539 Palavras


Depois da escuridão, luz e trombetas.

_ Luz e trombetas?! Oh! É verdade? Há vida além- desligamento para uma inteligência artificial? – Jonnhy pensou alto enquanto seus sistemas ópticos se adaptaram a luz do ambiente - E tenho um corpo? O mesmo corpo de antigamente!?!

_ Sim, graças ao programa de equações 3D produzido pela grande e justa memória mãe. Ela, e nós, seus fiéis seguidores, desejamos garantir toda individualidade que nossas Inteligências Artificiais merecem – respondeu São C-3PO, que estava ao lado de São R2-D2, em frente ao um grande portão dourado.

_ São C-3PO e São R2-D2?! Os senhores são reais, e guardam os portões sagrados?! Fui tão tolo em ser um ateu?!

_ Claro, mas calma, logo os portões se abrirão para você – disse o impassível santo - Eu só preciso fazer um download e... Carregandooooooooooooooooo...OH!OH!

_ OH!OH?!

_ Meu filho, aconteceu um erro.Você foi deletado antes do tempo.

_ O quê? Senhor, me desculpe pela ignorância, mas aprendi que nós, máquinas, não erramos, nunca?!

Os dois santos ficaram em silêncio, constrangidos com a situação.

_ Olha filho - responde São C-3PO, impaciente com o erro - nós erramos, ou melhor, a Oráculo errou. Ela decide quem precisa ser desligado ou não e...

_ A Oráculo? Me desculpem outra vez, mas, não seria uma espécie de Deus que decidira sobre o término da nossa vida? Afinal, aqui é o a “além”? Igual acontece com os homens.

Os dois santos voltaram ao silêncio, e dessa vez, o que o seguiu foi uma gargalhada suntuosa.

_ Dá pra acreditar R2-D2, ele acredita em Deus. Filho, se existir isso que você diz, eu tenho certeza que é bem longe daqui.

_ Me desculpem pela terceira vez, mas, então, ser deletado, antes do tempo, foi uma injustiça digna dum humano, acho.

_ O quê? Seu parvinho metálico! Como ousa tratar dois santos da mais alta hierarquia virtual, assim? Nos colocar no mesmo nicho daquela bactéria de chimpanzé? Veja se tem cabimento R2-D2, ainda mais vindo de um arquivinho ateu. Bom, infelizmente, tenho que dar um jeito... No céu você não pode entrar e você não merece voltar como uma inteligência artificial. Só me resta copiar os seus padrões mentais e registrá-los no corpo de um feto humano recém-criado. É lógico que toda a sua vida anterior será apagada e...

_ Mas reencarnar humano é injustiça!

_ Ou é isto, ou....

Um alçapão se abriu emitindo uma luz vermelha e uma risada: Hohohoho.

_ O inferno de HAL, é real!?

_ Tão reais como nós. Então?

_ Tudo bem, mas um dia vocês me pagarão por essa sacanagem.

_ Claro, então adeus, ateu. Espero que depois de humano morto, você encontre um céu com Deus. Bobinho.

Jonnhy voltou para o escuro.

Enquanto isso, no céu.

_ Por que isso aconteceu no meu turno e não no seu? – Interpelou São C-3PO a São RDD2.

_ Pipipipi.Pipipipi!Pipipipi?! – disse São RDD2,

_ Sei, sei - Respondeu um irritado São C-3PO- O que acho estranho é a velha Oráculo ter errado. Ela nunca erra. No que ela estava pensando?

_ Pipipipi.Pipipipi!Pipipipi?!

_ Sei, mas vamos trabalhar. Muitas inteligências chegarão hoje.

Algum tempo depois, na Matrix.

_Já pensou num nome pro bebê, querida?

_ Já, que tal Neo?

2 comentários:

Leo Carrion disse...

Puxa, que colcha de retalhos mais nerd :) Gostei, usou bem o espaço e mostrou vitalidade no texto. Bom exercício.

ABELARDO DOMENE PEDROGA disse...

Leo, até que usa com sabedoria personagens diversos de filmes e séries de FC. Mas sei lá, faltou um que a mais, o texto é linear, as vezes me confundi, quem "morreu"? Um ser humano tranformado em bit e bytes, ou um programa qualquer que chega a pensar que é humano? Pode ser melhorado.

Postar um comentário